O Que Quer Dizer Black Friday?

Todos os dias, aparece uma série de notícias relacionadas ao Black Friday. Isso fica ainda mais evidente quando estamos nos aproximando de mais uma data como esta, que acontece anualmente no final do mês de novembro. Pela época já dá pra se ter uma ideia de que Black Friday também é sinônimo de aquecimento para o Natal. Somente com essa informação já dá pra ter uma ideia do significado mais geral do BF.

Black Friday deve ser sinônimo do início da temporada de vendas dos picos natalinos do varejo. Ou seja, trata-se da data oficial da largada para o período mais lucrativo do mercado no ano inteiro. A ideia e a manutenção dela tiveram palco nos EUA, em franco crescimento das atividades publicitárias e ações varejistas. O país espelhava novas formas de garantir potenciais consumidores a fim de gerar vantagens para clientes e lojistas.

Daí o surgiu o Black Friday, que acontece sempre na primeira sexta-feira após o Dia de Ação de Graças, um dos feriados mais importantes para os norte-americanos.

Mas o que quer dizer Black Friday? Por que é assim chamado?

Para entender melhor essa definição, é preciso estar ciente de algumas relações próprias dos americanos. O Black Friday, como já dito, funciona como um pontapé inicial para a temporada de Natal. Todo o pico de final de ano representa o mês mais lucrativo para o mercado. É a época em que lojistas podiam, enfim, sair do vermelho, cor que representaria o período anterior dos feriados natalinos.

Ou seja, o Black Friday, o título que foi pensado pelos criadores, deve indicar como as vendas para o Natal (e toda a sua temporada) devem ser. Ou seja, é um dos dias importantes para o varejo, não só de lá como de qualquer outro lugar do mundo que já tenha a sua própria versão do Black Friday. Também é o caso do Brasil, que no mesmo dia hospeda sua própria versão do Black Friday através do site Busca Descontos.