Black Friday - Busca Descontos

Anuncie
11/06/2019

Tecnologia | Como Proteger seus Dados do Smartphone

-

Fotos, dados bancários, conversas extremamente particulares e muitas outras coisas tornam o nosso smartphone responsável por quase tudo o que fazemos na vida. Há quem diga que não consegue sair de casa sem celular, caso contrário se sente completamente nu.

Se você é uma dessas pessoas que confia todas as suas informações pessoais em seu Smartphone, saiba que precisa tomar alguns cuidados para não ter nenhum tipo de problema e acabar se tornando uma dor de cabeça interminável.

Em tempos de plena Era Digital, muitas pessoas acabam se deparando com dados vazados e infelizmente, isso pode se tornar um problema para a vida inteira.
Confira algumas dicas que separamos para você proteger seus Dados do Celular, e prevenir de cair em alguma Cyber Armadilha:

 

Bloqueio de Tela
Esse é um dos métodos mais simples para inibir a tentativa de outros de utilizarem seu smartphone.

O bloqueio da tela inicial do celular é um obstávulo logo de cara que qualquer ladrão terá de enfrentar sem antes ter tido acesso a qualquer informação contida no aparelho. O recurso é bem fácil de configurar, e você pode escolher por uma senha deslizante, numérica, um código PIN ou até mesmo sua digital.

O importante neste caso, é tomar bastante cuidado para não inserir uma senha óbvia.

 

Utilize Senha em Apps

Essa também é uma dica muito útil, principalmente se você possui aplicativos de banco ou conversas que não gostaria de explanar por aí, não é mesmo?

Existem aplicativos que permitem que você insira senhas para acessar o conteúdo do smartphone. é possível criar senhas diferentes para cada pasta e/ou app instalado.

Mas antes de baixar o aplicativo, certifique-se de ler a próxima dica. 

 

Cuidado com os Apps Maliciosos

Esse conselho serve especialmente para quem utiliza Android. Recentemente o Google removeu mais de 50 mil aplicativos suspeitos de serem softwares maliciosos. Isso acontece, principalmente, pelo fato do Google ser flexível - e às vezes até muito transigente - com os apps que são incluidos na Google Play.

Afinal de contas, a Google Play está infestada de malwares ou não?
Na App Store da Apple a coisa é um pouco diferente. A Maçã verifica todos os aplicativos submetidos à loja e veta qualquer um que tenha qualquer indício de código malicioso. Embora ajude a coibir e previnir casos mais graves, isso não significa que não existam tentativas e/ou aplicativos que passam despercebidos pelo crivo da empresa.

Por isso, antes de baixar qualquer app, pesquise e certifique-se de que ele seja realmente confiável.

 

Configure as permissões do seu Smartphone

Não raramente nos deparamos com a mensagem 'Tal aplicativo' deseja acessar 'algum dado seu'". Antes de clicar em "OK", certifique-se de sempre ler a mensagem por completo e ter certeza de que aquele aplicativo pode acessar aquela informação. 

 

Faça o backup sempre que puder

Crie o hábito de fazer backup dos seus dados, sempre que puder.
Infelizmente nós, latino-americanos, ainda não compreendemos a importância do hábito de fazer backup dos nossos dados. Ele é importante tanto para quando, acidentalmente, deixamos o smartphone cair numa piscina, como também para quando ele é roubado, ou mesmo caso você precise formatá-lo.

No iPhone é possível fazer a cópia de segurança dos arquivos localmente utilizando o iTunes ou na nuvem utilizando o iCloud. Em caso de dúvidas, é bom utilizar os dois só "para garantir".

O Android, por sua vez, conta com uma ferramenta embutida que faz o backup das informações mais importantes do usuário. Caso queira manter todas as informações e arquivos em segurança, o usuário terá que recorrer a soluções de terceiros.

 

Em caso de roubo, perda ou furto: Bloqueie seu Smartphone

Antes de iniciar essa dica, é essencial uma dica bônus: Ao adquirir um smartphone, evite se desfazer dos documentos que o acompanham, como o manual de instruções e notas fiscais. Acredite, um dia você vai precisar utilizar!
Como por exemplo, em casos de perda, roubo ou furto.

No Brasil, em casos de furto ou roubo, o usuário pode recorrer à central da operadora para bloquear e inutilizar o aparelho. Para fazer isso, basta possuir o IMEI do aparelho e o caso se resolve em poucos minutos.

 

 Mantenha seu sistema operacional atualizado

Muitos consideram bobagem e acreditam que elas tratam apenas de questões cosméticas. Mas a verdade é que as atualizações do seu iOS ou Android contém revisões que ajudarão o seu aparelho a permanecer em segurança. Você poderá esperar alguns dias até ter certeza de que ela não afetará os seus principais aplicativos, mas nunca, jamais, deixe de instalar uma atualização do seu sistema operacional.

 

Fonte: Canal Tech

voltar